segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Resenha: Quem é você, Alasca?

Livro: Quem é você, Alasca?;
Título original: Looking for Alaska;
Autor: Jonh Green;
Ano de publicação: 2010;
Páginas: 229;
Editora: Martins Fontes;
ISBN: 9788578273422




Miles é um garoto comum que vive na Flórida e quer mudar de vida e buscar um "Grande Talvez". Miles, que adora últimas palavras, resolve mudar para um internato, o internato Culver Creek.

Ao mudar de escola e consequentemente mudando de vida, Miles fica longe da sua família e amigos. Mas, com tudo isso ele conhece Chip (ou Coronel), um garoto baixinho, mas que adora bebidas e cigarros. Coronel (que já estudou na Culver Creek) apresenta Miles a seus amigos, Takumi e Alasca. Alasca é uma garota bonita, mas cheia de mistérios.
Logo, os quatro ficam amigos e começam a fazer tudo juntos, principalmente dar trotes em calouros "riquinhos".



 Com amigos, bebidas, cigarros e garotas, Miles se vê em um mundo totalmente diferente.
Tudo estava indo muito bem, até que o inesperado acontece e nos mostra o quanto somos vulneráveis e irracionais.

Eu queria ser uma dessas pessoas que têm uma sequência a manter, que chamuscam o chão com sua intensidade.

A estória é basicamente isso, adolescentes em um internato buscando diversão e uma garota com grandes mistérios que fascina a todos.
Jonh Green escreveu um livro mostrando um lado adolescente que muitos não querem ver.

O livro é narrado em primeira pessoa pelo próprio Miles. Os capítulos são divididos em "dias antes e dias depois" do acontecimento inesperado (vocês vão ter que ler para saber que acontecimento é esse, rs).
Uma das coisas a qual não gostei na diagramação, foi as falas serem entre aspas, isso me atrapalhou bastante na hora da leitura.

Apesar de tudo isso, eu me decepcionei bastante com "Quem é você, Alasca?". O livro foi tão bem comentado que eu esperava muito mais.
A proposta do livro é muito boa, mas a estória é muito monótona, sempre acontecendo as mesmas coisas. Não consegui me prender ao livro, o que acabou se tornando chato.
Os personagens também não ajudaram, todos sem personalidade, e isso acabou me irritando bastante.

O livro é bastante relativo, ou você gosta ou odeia. Eu acabei odiando, infelizmente.
Mas lembrando que essa é minha opinião, não funcionou para mim, mas para você pode funcionar muito bem.

Classificação:

Resenha por: Bianca B Dickmann.


4 comentários:

  1. Eu escuto comentários muito positivos das minhas amigas sobre esse livro, tenho uma vontade enorme de ler.

    http://qualquerinfinito.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cada um tem sua opinião não é mesmo? Beijos.

      Excluir
  2. Oi você deixou seu Linck no meu Skoob gostei do sua textualização pra fazer resenhas... o fato de você ter "odiado" o livro e relevante afinal o "Jonh Green" tem esse mal li dele "A cula e das estrelas!" e o final me foi chocante não imaginei que iria ser tão revelante e nunca me vi chorando tanto depois de ler um livro... Logo vou ler "Quem é você, Alasca?" e espero ama-lo e odiá-lo tanto como o outro =D

    PS: Não sou um bom resenhista porem tenho minhas palavras segue anexo o Linck do meu blog =D... um dos meus texto em homenagem a " A menina que roubava livros"

    http://brunoalli.blogspot.com.br/2012/06/tributo-sacudidora-de-palavras.html

    ResponderExcluir