segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Resenha: Naomi & Ely e a lista do não beijo, por David Levithan e Rachel Cohn

Livro: Naomi & Ely e a lista do não beijo;
Autor(a): David Levithan e Rachel Cohn;
Páginas: 256;
Ano: 2015;
Editora: Galera Record;
ISBN: 9788501103123.

Desde que li Todo Dia do David Levithan, me interessei muito pelas suas outras obras literárias. Mas sempre tive aquela “preguiçinha” básica de comprar seus livros, mas posso garantir que isso mudou de agora diante.

A história é escrita por David Levithan e Rachel Cohn, uma dupla dinâmica que conseguiu criar um enredo maravilhoso em cima de uma premissa. Pois bem, Naomi e Ely são melhores amigos desde que se conhecem por gente. Ely é gay. Naomi é apaixonada por Ely. E posso afirmar que é por aí que a trama já começa. Se não bastasse isso, ainda existe “a lista do não-beijo” onde eles colocam pessoas que os dois se interessaram e gostariam de ter algo a mais, mas como eles são amigos, fazem essa lista para saber que essas tais pessoas eles não podem ter nenhum tipo de caso. Deu para me entender? Porém, além de Ely ser gay, ele beija o namorado de Naomi e é aí que as coisas começam a ficar mais tensas e faz com que o leitor se prenda a história do começo ao fim.




O livro é narrado por todos os personagens, inclusive os secundários (isso atrapalha no começo e o leitor fica um pouco perdido, mas posso garantir que depois acostuma) que tem uma relevância imensa na história. Todos são importantes, todos tem uma personalidade única e um jeito de pensar diferente. Mas eu não poderia dar maior destaque se não fosse pra Naomi. Ela passou por muitas coisas ruins na sua vida e por isso tem uma personalidade forte que faz você pensar que ninguém nunca irá derrubar ela. Mas é aí que o leitor se engana, Naomi tem sentimentos e talvez mais do que as pessoas que os demonstram.

Ely por outro lado é mais “largado” e querido. Gente, que personagem querido! Eu já me sentia amiga dele e gostaria muito de ter um amigo desses. Ele é daqueles que se preocupa com o próximo e quando alguém precisa, ele é o primeiro a querer ajudar. Pelo menos foi isso que ele me passou.



E se engana quem acha que o livro irá se tratar apenas de problemas adolescentes e relacionamentos mal resolvidos. A história é composta por coisas mais profundas que isso e que mexe com a cabeça do leitor. Senti-me na pele de muitos personagens, principalmente quando eram mencionados problemas familiares, onde deixa todos confusos e sem saber para “que lado ir”.

Outra coisa que eu não poderia deixar de citar, é que o livro até pode ser previsível, mas você torce o tempo todo para que tal coisa aconteça, mesmo sabendo que talvez não irá acontecer. E não leia esperando um final feliz, é uma leitura real, com problemas reais e fatos reais, sabe? Não existe aqui aquela coisa do amor impossível e clichê que estou tão acostumada a ler em livros para jovens. E acho que foi por esse motivo que a leitura se tornou tão especial para mim.

A diagramação da editora está ótima, como sempre. Espaçamento bom, fontes confortáveis e a capa maravilhosa. Vocês acreditam que encontrei esse livro em um sebo? Fiquei abismada, pois já tinha ouvido falar dele e achei bem baratinho e em um ótimo estado de conservação. Foi um belo achado.



Em suma o livro meio que nos revigora, nos faz dar boas risadas (as piadas estão nas entrelinhas e nas formas irônicas) e faz com que alguns de nossos pensamentos fechados mudem. Indico para toda e qualquer pessoa, a escrita dos dois autores está divina e eu realmente não tenho do que reclamar desse livro. Apenas elogiar.

Classificação:


20 comentários:

  1. Oi Bianca, tudo bem?
    Nunca li nada desse autor, sei que alguns amam e outros odeiam.
    Achei bem chato o que o Ely fez com a Naomi, mas fiquei curiosa pra descobrir os motivos dele.
    Beijos,

    Priscilla
    Infinitas Vidas | Participe do sorteio de 2 anos do blog!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Priih, tudo sim e com você?
      Eu simplesmente amo o David Levithan, acho a escrita dele maravilhosa. Ely teve seus motivos e o desenrolar desses motivos é muito bom de se ler.
      Beijos.

      Excluir
  2. Eu só assisti ao filme, mas creio que o livro deva ser beem melhor. Porque o filme não me agradou muito não..
    Esse é o problema com as adaptações, elas só mostram o lado superficial dos filmes...

    Beijos!

    www.ooutroladodaraposa.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raissa.
      Ainda não assisti ao filme, mas acredito que eles devem ter deixado passar muitas coisas do livro, infelizmente.
      Beijos.

      Excluir
  3. Eu só li dois livros do David até o momento mas me apaixonei pelos dois. Acabei de assistir o filme ontem a noite e fiquei sem saber se ia querer ler ou não o livro depois, mas você me convenceu com a sua resenha. Adorei.

    http://umlugarsoparanos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Laura!
      David Levithan escreve muito bem, né? Ainda não assisti ao filme e espero fazer isso logo.
      Ah, espero que você goste do livro ;)
      Beijos.

      Excluir
  4. Oi Bia!
    O meu está aqui na estante querendo ser lido. Comprei esse livro pela capa - linda demais - e tenho lido coisas boas e coisas ruins sobre ele (a coisa está dando empate). Breve irei ler até porque já quero ver o filme também (rs.).
    Bjão!
    Diego, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dih!
      A capa é realmente muito chamativa e na minha opinião vale a pena ser lido. Também estou mega curiosa para ver o filme, em breve vou conferir.
      Beijos.

      Excluir
  5. Oi Bianca, tudo bem?
    Vi esse filme disponível na Netflix, mas só fui saber
    que tinha o livro um tempo depois, ainda bem que não vi haha
    Vi muitas resenhas positivas e outras negativas, concordo com o
    Diego que está dando empate. Quero ler e tirar minhas próprias conclusões.
    A capa realmente é linda <3

    Um beijo!
    Ana | Blog Entre Páginas
    www.entrepaginas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, tudo sim e com você?
      Eu não sabia que existia o filme até uma menina comentar! hahaha. Li apenas uma opinião a respeito desse livro e estava super positiva, por isso resolvi ler. Além da capa ser maravilhosa, né?
      Beijos.

      Excluir
  6. Olá, Bianca!
    Desde o lançamento sou louca por esse livro *-* Ele parece ser ótimo, bem leve e divertido! Espero gostar tanto quanto você. Adorei a resenha!
    Beijos, Garota Vermelha
    www.livrosdagarotavermelha.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nathália!
      É realmente muito divertido e da pra ler em poucos dias. Tomara que você goste.
      Beijos.

      Excluir
  7. Oi Bia!
    Quero muito ler esse livro, parece ser uma leitura muito agradável como você mesmo destacou várias vezes; e preciso confessar que parte disto é por causa da capa linda.
    A sua resenha só me deixou com mais curiosidade.
    Bjs!

    http://blogquerida.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Larissa!
      A capa é muito agradável, principalmente para ter na estante. Fico feliz que tenha despertado sua curiosidade.
      Beijos.

      Excluir
  8. Gostei muito do livro, pela capa e pela resenha!
    http://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Bianca querida que bom que você conseguiu adquirir esse livro por um ótimo preço e estado de conservação em um sebo. Por aqui isso é quase uma lenda, ou está caro ou com problemas.
    Mas enfim fico feliz que tenha gostado da leitura e que ela te fez refletir sobre assuntos interessantes e importantes na vida. Confesso que ainda não tive curiosidade para ler esse autor, mas sempre leio elogios aos seus trabalhos. Beijos

    Leituras, vida e paixões!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!
      No sebo da minha cidade existem muitos livros bons e baratos, vale muito a pena ir atrás deles.
      Se algum dia despertar essa curiosidade em você, recomendo começar por Todo Dia, vale muito a pena.
      Beijos.

      Excluir
  10. Oi
    que bom que gostou da leitura, sempre vejo que o povo não gostou tanto dele e eu tenho vontade de ler, gosto de histórias que envolvam amizades.

    momentocrivelli.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Denise, também gosto de livros com essa temática, me envolve muito.
      Beijos.

      Excluir